Compreendendo o funcionamento de uma Subestação

Compreendendo o funcionamento de uma subestação

Neste artigo iremos compreender o funcionamento de uma subestações de uma maneira objetiva e rápida , subestação é responsável pela distribuição da energia elétrica. Até  chegar em nossas casas, a eletricidade atravessa um sistema de transmissão onde seu  começo são nas usinas e movimenta-se por estas estações, onde o transformadores atuam  no aumento ou na diminuição da tensão. contendo equipamentos para transmissão e distribuição de energia elétrica, contendo também  equipamentos de proteção e controle .

Transmissão de energia elétrica

Subestação

A transmissão de energia é fracionada em duas faixas: a transmissão precisamente dita, onde suas potências são mais elevadas e ligando grandes centros, quando na distribuição é utilizada dentro de centros urbanos, por exemplo.

Cada linha de transmissão dispõe um nível de tensão nominal, onde encontra-se valores até de 750 Kv,  As linhas de distribuição são geralmente utilizadas na faixa de 13,8 kV no Brasil, enquanto em Portugal utiliza 15 Kv . Para a conversão entre níveis de tensão, são utilizados como equipamento fundamental o transformador de potência (para grandes elevações ou diminuições na tensão do sistema )

Componentes de um sistema de transmissão

  • Torres: Utilizado nas  linhas aéreas, é preciso levantar os cabos a uma distância segura do solo, evitando assim contato elétrico com pessoas, vegetação e veículos que eventualmente atravessem a região. As torres precisa suportar os cabos em condições extremas, sendo determinadas basicamente pelo tipo de cabo, regime de vento da região, terremoto, entre outros eventos.

  • Isoladores : Os cabos precisam ser suportados pelas torres por meio de isoladores, evitando assim a dissipação da energia através da estrutura. Estes suportes precisa garantir a rigidez dielétrica e suportar o peso dos cabos. geralmente eles são constituídos de cerâmica, vidro ou polímeros.

  • Subestações:  A transmissão de energia é fracionada em duas faixas: a transmissão precisamente dita, onde suas potências são mais elevadas e ligando grandes centros, quando na distribuição é utilizada dentro de centros urbanos.
Distribuição de energia elétrica 

distribuição de energia elétrica também chamada de distribuição de eletricidade basicamente  é a etapa final no fornecimento de energia elétrica é a parte do sistema unido ao subsistema de transmissão, onde  faz- a distribuição da energia elétrica aos consumidores, tendo seu início em uma subestação (distribuição primária em media tensão) podendo ser também num posto de transformação (distribuição secundária em baixa tensão). Na prática é visível através de ramificações de cabos elétricos ao longo de ruas, transportando a energia aos consumidores conectados ao sistema elétrico.

Compreendendo a distribuição de energia 

A transferência da transmissão para a distribuição ocorre em uma subestação de energia, tendo as seguintes funções:

  • Os disjuntores e interruptores possibilita que a subestação seja desconectada da rede de transmissão ou também que as linhas de distribuição sejam desconectadas.
  • Os transformadores reduzem as tensões de transmissão, 35kV ou mais, até as tensões de distribuição primária. Estes são circuitos de media tensão, geralmente 1000-35000 V.
  • A partir do transformador, a energia percorre para o barramento que pode dividir o poder de distribuição em várias direções. O barramento distribui a energia às linhas de distribuição, que encaminham-se para fora, isto é, aos clientes.

 

2 Comentários

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *