Principais ferramentas utilizadas em projetos eletrônicos

Ferramentas utilizadas em projetos eletrônicos

Neste artigo você saberá quais são as ferramentas projetos eletrônicos utilizadas na execução de seus projetos  em uma bancada , antes de começarmos o tema abordado falaremos sobre riscos em eletricidade (choque elétrico)A energia elétrica quando encontra passagem em nosso corpo geralmente se descarrega para a terra. Também pode ocorrer choque sempre que tocamos em duas fases (elétricas) diferentes, nesse acontecimento nosso corpo também serve de passagem entre um fio e outro.A passagem de energia elétrica em nosso corpo geralmente gera calor e contrações musculares. Esses efeitos que ela nos ocasiona são os responsáveis por paradas cardíacas e queimaduras presentes na maior parte dos choques elétricos, por isso quando estamos em uma bancada é fundamental tomar as medidas de segurança necessárias. também sempre devemos usar ferramentas adequadas e em bom estado de conservação. citaremos abaixo as principais ferramentas para execução de projetos eletrônicos.

Ferro de solda:

É uma ferramenta elétrica que converte corrente elétrica em calor, onde é deslocado para uma ponta metálica.O calor é usado para fundir uma liga metálica de estanho e chumbo, realizando a junção de partes metálicas, normalmente de cobre. Esta liga é conhecida habitualmente como solda ou, simplesmente, estanho.O procedimento de soldagem é extremamente importante na construção e manutenção de circuitos eletrônicos, sendo muito importante seu domínio correto da técnica.

Fonte de bancada :

Para a execuções de seus  projetos eletrônicos você com certeza precisará e alimentar o seus circuitos. Para isto é indispensável  ter uma boa fonte de alimentação na sua bancada. As opções são muitas, você pode comprar uma fonte profissional ou montar a sua própria fonte. Quando você escolher sua fonte precisa pensar nas exigências  de tensão e corrente de seus projetos, mas para maior parte dos casos uma fonte variável entre 0 a 15 volts com sua corrente máxima de 1A é mais do que bastante . Os modelos mais profissionais possuem muitas características interessantes como Display que indicam tensão e corrente,controle da tensão, proteção contra curtos e nas mais modernas possuem controle da corrente máxima. 

Multímetro:

Para verificar suas conexões e diagnosticar seu circuito você precisa ter uma ferramenta de medição . o multímetro é  capaz de realizar a medição elétrica de três tipos diferentes: Voltímetro, Ohmímetro e Amperímetro. entre elas estão: Corrente elétrica (contínua e alternada) , função amperímetro, Frequência de sinais alternados, Capacitância , Resistência elétrica (função ohmímetro) , Tensão elétrica (contínua e alternada) – função voltímetro , entre outros.A definição sobre as medições  realizadas, acontece por uma chave rotativa que seleciona a função a ser utilizada.

Existem dois tipos de multímetros (analógicos e digitais )

Multímetros analógicos : Baseados nos Galvanômetros, da qual sua verificação de leitura acontece por meio de força eletromagnética em seu ponteiro.

Multímetros Digitais – Constituído  por um componente eletrônico versátil, chamado de amplificador operacional.

projetos eletrônicos

Componentes essências para execução de seus projetos:

Os componentes mais comuns nos tipos de projetos que você vai utilizar  serão : Capacitores, Resistores, Diodos, Potenciômetros, Transistores de uso geral, plugues e Switch também será muito utilizados em seus projetos ,Para que sua bancada não transforme em uma bagunça, organize as peças em caixinhas ou gavetas com divisórias. Sempre etiqueta tudo Componentes organizados fazem uma diferença enorme durante o trabalho.

 

 

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *